terça-feira, 1 de novembro de 2016

Filme Spider Baby or, The Maddest Story Ever Told (1967)



Direção: Jack Hill
Roteiro: Jack Hill
Elenco: Beverly Washburn (Elizabeth)
Carol Ohmart (Emily)
Jill Banner (Virginia)
Lon Chaney Jr. (Bruno)
Mantan Moreland (Carteiro)
Mary Mitchel (Ann)
Quinn K. Redeker (Peter)
Sid Haig (Ralph)









   Os irmãos Ralph, Virginia e Elizabeth são vítimas de uma doença neurológica hereditária, que altera regressivamente seu estado mental, tornando-os pessoas com características animalescas e tendência ao canibalismo, conhecida como Síndrome de Merrye.

   Agindo como crianças inocentes e ao mesmo tempo, brutais e perigosas, vivem na mansão rural da família sob os cuidados do motorista Bruno, que tenta na medida do possível, proteger e ensinar aos três o que é certo e errado, além de tentar manter em sigilo os segredos da família. Mas as "crianças" não escondem suas características de demência. Virgínia e sua obsessão por aranhas, é conhecida como Spider Baby, daí o nome do filme, gosta de perseguir e comer insetos fazendo armadilhas e matando suas vítimas usando uma faca como se fosse a picada de uma aranha, como fez com um inocente carteiro que infelizmente acabou sendo preso em sua teia. Elizabeth apresenta diversos momentos de grande histeria e violência, enquanto Ralph o irmão bizarro que não fala nada, solta apenas alguns grunhidos e fica babando, se torna pervertido com a visita de duas mulheres até a casa. Essas visitas são parentes distantes que chegam com uma advogada e secretária querendo reivindicar a propriedade como herdeiros legítimos. Depois disso segue uma onda de loucura e assassinatos. Detalhe para cena em que Bruno (Lon Chaney Jr.) fala da lua cheia, referência ao filme The Wolf Man (1941) onde interpretava o lobisomem e também para Sid Haig novinho no papel de Ralph.

Virgínia se preparando para atacar sua presa.


   O filme foi filmado em 1964, mas só em 1967 teve sua estreia. Uma produção de baixo orçamento que levou apenas 12 dias para ser filmado em preto e branco, mas com um roteiro, esquisitices e interpretações que devem ter causado repulsa a muita gente na época. O filme apesar de esquecido por muitos e não ter o valor que merece, se tornou um clássico cult e com certeza serviu de inspiração para vários filmes do gênero.


Só dar o play para assistir:
Para ativar a LEGENDA, em alguns filmes, é necessário clicar no botão retangular "CC" ou em formato de ENGRENAGEM no lado inferior direito do vídeo. Após clicar selecione a legenda em português.

Nenhum comentário:

Postar um comentário